23.9 C
Campinas
segunda-feira, março 4, 2024
HomePolitica‘Se há mandante, é um comerciante’, afirma Mourão sobre morte de Dom...

‘Se há mandante, é um comerciante’, afirma Mourão sobre morte de Dom e Bruno

O vice-presidente Hamilton Mourão (Republicanos) conversou com jornalistas ao chegar em seu gabinete nesta segunda-feira, 20, e classificou as mortes do jornalista britânico Dom Phillips e do indigenista Bruno Araújo Pereira como “estúpida” e ressaltou que um eventual mandante do crime irá aparecer – caso alguém tenha planejado o assassinato da dupla. “Ninguém fica feliz com a morte estúpida como a que aconteceu do Bruno e do Dom. Agora, é uma região pobre, Atalaia do Norte é um município de 20 mil habitantes com carências inúmeras, vive de um pequeno comércio, de fundo de participação de município. Essas pessoas aí que assassinaram covardemente os dois são ribeirinhos”, ressaltou.

O pré-candidato ao Senado Federal pelo Rio Grande do Sul também que o óbito de Dom foi um “dano colateral”. “Vai aparecer se há um mandante. Mas, se há um mandante, é um comerciante da área que estava se sentindo prejudicado pela ação – principalmente do Bruno e não do Dom, né? Isso é um crime que aconteceu num momento quase que de uma emboscada. Um assunto que vinha se arrastando, vamos dizer. Na minha avaliação, deve ter ocorrido no domingo. Domingo essa turma bebe, se embriaga, mesma coisa que acontece aqui na periferia das grandes cidades”, classificou. Na sexta-feira, a Polícia Federal confirmou que os suspeitos de terem executado Dom e Bruno agiram sozinhos e “sem mandante nem organização criminosa por trás do delito”, o que não impossibilita a ocorrência de novas prisões por possíveis participantes no crime.

Ultimas Notícias

Veja também

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here