21.9 C
Campinas
terça-feira, fevereiro 27, 2024
HomeCampinasCovid-19: Campinas também inicia aplicação da 5ª dose da vacina em idosos...

Covid-19: Campinas também inicia aplicação da 5ª dose da vacina em idosos imunossuprimidos

A Secretaria de Saúde de Campinas (SP) anunciou, no início da noite desta quarta-feira (1°), que também iniciou a aplicação da quinta dose, ou terceira dose de reforço, da vacina contra a Covid-19 em idosos com imunossupressão (baixa imunidade) grave. Mais cedo ainda nesta quarta, Hortolândia (SP), Americana (SP) e Sumaré (SP) já haviam confirmado o começo da nova etapa de imunização.

Segundo a pasta, a aplicação do imunizante começou já nesta quarta em 65 centros de saúde – a exceção fica por conta dos CSs Boa Esperança e Joaquim Egídio, que estão em reforma. Veja a lista dos locais e os horários de funcionamento de cada um no site da campanha.

A vacina poderá ser aplicada em moradores com 60 anos ou mais, imunossuprimidos e que tenham recebido a quarta dose da vacina há pelo menos quatro meses. É necessário apresentar documento com foto, carteira de vacinação e comprovação médica da imunossupressão.

São consideradas pessoas com alto grau de imunossupressão quem:

Tem imunodeficiência primária grave;
Faz quimioterapia para câncer;
É transplantado de órgão sólido ou de células tronco hematopoiéticas (TCTH) em uso de drogas imunossupressoras;
Vive com HIV/Aids;
Usa corticoides em doses maior ou igual a 20 mg/dia de prednisona, ou equivalente, por 14 dias ou mais;
Usa drogas modificadoras da resposta imune consideradas para fim de elegibilidade a dose adicional da vacina para pessoas imunossuprimidas: Metotrexato; Leflunomida; Micofenolato de mofetila; Azatiprina; Ciclofosfamida; Ciclosporina; Tacrolimus; 6-mercaptopurina; Biológicos em geral (infliximabe, etanercept, humira, adalimumabe, tocilizumabe, Canakinumabe, golimumabe, certolizumabe, abatacepte, Secukinumabe, ustekinumabe); Inibidores da JAK (Tofacitinibe, baracitinibe e Upadacitinibe);
Faz terapia renal substitutiva (hemodiálise);
Tem doenças imunomediadas inflamatórias crônicas (reumatológicas, auto inflamatórias, doenças intestinais inflamatórias).
Campinas alegou que o início da quinta dose ocorreu após uma recomendação do governo estadual. Ao g1, a Secretaria de Saúde do estado confirmou a orientação e alegou que seguiu as definições do Ministério da Saúde.

Por telefone, o Ministério negou que tenha feito essa recomendação aos estados. No entanto, a reportagem encontrou a diretriz no Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19, do próprio Ministério da Saúde.

Hortolândia, Americana e Sumaré também aplicam
A aplicação em Hortolândia, que teve início nesta quarta-feira, ocorre das 8h às 15h30, em diferentes UBSs conforme o dia da semana – veja a lista no site.

“A Secretaria de Saúde reforça que é obrigatório o uso de máscara para idosos e seus acompanhantes dentro da unidade de saúde durante a vacinação”, completou a prefeitura.

Já Americana começou a aplicar a quinta dose na terça-feira (31). Segundo a Vigilância Epidemiológica, a vacina está disponível em todas as UBSs, de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 14h.

Sumaré, por sua vez, informou que também começou a aplicar a quinta dose nesta quarta-feira em imunossuprimidos acima de 60 anos. Segundo a prefeitura, o início ocorre depois do recebimento de uma normativa do estado.


Ultimas Notícias

Veja também

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here